Pular para o conteúdo principal

Postagens

O MINEIRO MATUTO

Do Instituto Rural Evangélico, Itapina, ES, fui para Aimorés, de Aimorés para o Granbery, do Granberypara a FaTeo e graças a Deus nunca vivi ao léu. Quero dar-lhe conhecer algo muito importante que Deus faz na vida de umapessoa que aceita e cumpre seus propósitos.Sinto-me feliz e privilegiado pelos cinco momentos de intervenção deDeus em minha vida no Instituto Rural Evangélico, meu berçovocacional e cultural. Meu trajeto de vida:
Postagens recentes

A Verdadeira Evangelização

Lc 4.18-19; I Co 9.16; Mt 935-38; II Tm 1.10 e Atos 16.31

INTRODUÇÃOCom muita alegria e gratidão a Deus, faço a introdução deste livreto com a Parábola dos Dois Sitiantes. É uma analogia que se faz sobre o campo onde se semeia o evangelho, semente que produz alimento para o sustento espiritual e faz brotar a vida eterna; e o campo onde se planta o cereal para o sustento natural. Quanto mais a igreja semeia na dinâmica do Espírito Santo, mais abundante é a colheita de almas. Com as memórias deste campo fértil, queremos realçar o valor de quem “lança mão do arado e não olha para trás”(Lc 9.62). A igreja não é chamada para “observar o vento, e nem olhar para as nuvens” (Ec 11.4), mas para sulcar a terra, prepará-la, e lançar a semente, porque Deus já prepara a chuva de bênção. Minha alma jubilosa glorifica a Deus pela vida desta igreja missionária e pela conquista da vitória resgatando os que estavam na rota do inferno cujos pés caminham agora, na direção do céu. Aleluia. Vejo na pujança …

DIA NACIONAL DA CRIANÇA

“ Educa a criança no caminho em que deve andar e quando envelhecer lembrar-se-á e nãodesviará dele” ( Pv 22.6). Dou-me conta de que sou privilegiado ao refletir sobre o Dia da Criança. Olhos arregalados e brilho nos olhos. O comércio está mais interessado no lucro do que no signifi-cado deste dia.
Lembro-me de minha  meninice  de cinco a oito  anos. Eu tinha limites e escala de ser- viços definidos. Cuidei de galinhas, ajuntei ovos, tratei de porcos, tangi bezerros para o estábulo, ajudei a fazer queijos e cuidei de hortas. Brinquei de pique pega, pega pega, balanço, pião, pipa, corrupio, zumzum, chicotinho queimado e inventei outros brinquedos.
Meu pai era colonizador italiano. Por decisão dele iniciei as atividades na lavoura com oito anos de idade. Ele preparou e deu-me um “cacumbu”, enxada pequena, para lavrar a ter-ra durante o dia. Estudar? Nem pensar! Chorei ao ver crianças a brincarem no recreio. Após a morte de meu pai, aos dezesseis anos de idade, ainda analfabeto, saí de casa …

Vitórias e crises na Família moderna

Gn 2.22-25; II Rs 20.13; Dt 22.8
Percebe-se que a mulher, com exceção, está ganhando espaço na sociedade e perdendo espaço no lar e o homem torna-se mais rebelde e sujeito a conquistas inconsequentes. A família, na pós-modernidade, segue cumprindo sua missão sob o peso do rolo compressor do movimento que surgiu na Europa para desconstruir Bíblia, cristianismo, família, sociedade e nações. Esta desordem desencadeia crimes passionais e realça a prática do feminicídio. As forças do mal ameaçam destruir o que Deus criou, todavia há exército com armas espirituais para derrotá-los.
Depois da conversão a Cristo, o passo mais importante é a constituição da família. « Esta é, afinal, osso dos meus ossos e carne da minha carne. »  Os cônjuges que constroem no altar, laços de amor antes, durante e depois, não correm o risco de separação ficando a olhar com frustração,  um monte de ossos aqui e de carne acolá. Quem faz a separação? É o casal, o opositor de Deus ou ambos? « A mulher é vocacionada po…

DÊ UM TEMPO PARA DEUS!

“Ó profundidade das riquezas, tanto da sabedoria como do conhecimento de Deus! Que Deus maravilhoso nós temos! Como são grandiosos Sua sabedoria, Seu conhecimento e Suas riquezas! Como é possível a nós compreendermos Suas decisões, seus métodos. Quem é, dentre nós, que pode conhecer a mente do Senhor? Quem é que sabe o suficiente para ser Seu conselheiro e Seu guia? E quem jamais poderia oferecer ao Senhor o bastante para persuadi-lo a agir? Todas as coisas vêm única e exclusivamente de Deus. Tudo vive por Seu poder, e tudo é para Sua glória. A Ele seja a glória para sempre” ROMANOS 11.33-36.“O homem usa a sabedoria que DEUS lhe deu par glorificá-lo, porém os rebeldes usam-na para confrontar-se com o seu Criador forjando deuses nanicos, fator/econômico; fator/imagens; fator/político e fator/ bélico” (J. Saramago).CLAMOR A DEUSDiante desta situação caótica e cósmica, há falta de alinhamento do homem com Deus, porém há exorbitância com os demônios. Não temos outra coisa a fazer, senão c…

Cadê o Brasil?

DESDE 0 ANO DE 1500 AS POTÊNCIAS ECONÔMICAS ESTÃO DE OLHO NO BRASIL
Medite:
Cadê a madeira que estava aqui? Foi levada para Europa
Cadê a pedra preciosa de nossas jazidas? A China e outras nações estão levando.
Cadê o ouro das minas brasileiras? O Canadá e outros países levam o ouro prejudicando o Brasil.
Cadê o nosso nióbio? Os países que industrializam metais especiais importam-no a preço irrisório.
Cadê o nosso petróleo – ouro negro? Está à mercê do monopólio internacional e nós, com preço escorchante.
Cadê o dinheiro que estava aqui? Saiu voando e aportou no paraíso fiscal e gerou crise econômica no Brasil.
Cadê o nosso minério de ferro? É exportado barato e nós levamos ferro comprando deles, máquinas com preço elevado demais.
Que é feito do rebanho bovino? A melhor carne primeiríssima é exportada para vários países prejudicando o consumo interno.
Cadê o trigo?  Uma grande fatia da pobreza ainda pode comprar um pão.
Cadê o padre e o pastor? Estão nos seus púlpitos proclamando a Palavra de Deus para qu…

A evangelização não é opcional

“IDE E FAZEI” São dois verbos dinâmicos. A evangelização é essencial à vida da igreja e é sua tarefa prioritária. Ou se evangeliza e vive ou não se evangeliza e morre. O fruto da evangelização é a santificação do corpo de Cristo na terra e dela depende a sobrevivência da Igreja. O evangelho não é uma mordomia. Nada poderá tirar-nos este privilégio e nem nos livrar desta responsabilidade (Rm 1.11-16.) A evangelização é uma tarefa permanente. Nenhuma situação nos fará romper com o compromisso de evangelizar a tempo e fora de tempo. Evangelizar não é tarefa opcional. É uma ordem dada por Jesus Cristo. Ele tem autoridade para fazer isso.

PESQUISA SOBRE MINISTÉRIO PASTORAL NOS DIAS ATUAIS

ENTREVISTA COM O REV. VALDEMAR TREVENZOLI

JUSTIFICATIVAMuitas são as responsabilidades confiadas ao pastor e a capacidade é dada pelo Senhor para tão grande missão. Contudo, só o talento não é suficiente para o ministério pastoral, O pastor deve sempre depender de Deus e buscar capacitação para seu ministério. O pastor precisa ser vocacionado.
OBJETIVOS
a) GeraisA pesquisa no momento apresentada é uma oficina de treinamento ministerial. Enquanto observo o trabalho do outro pastor, também sou observado por ele e aprendi duplamente. Creio que estar aberto para aprender e buscar ajuda quando preciso é um passo inicial para o bom exercício do ministério.
b) Específicos-Promover uma troca de experiência entre pastores. -Estabelecer um veículo de aconselhamento e discipulado entre um pastor mais experiente e outro ainda em formação. -Discutir sobre os conteúdos estudados na disciplina Ministério Pastoral e, consequentemente,relembrando e aplicando estes conteúdos.
INTRODUÇÃOO presente trabalho é u…