Pular para o conteúdo principal

PESQUISA SOBRE MINISTÉRIO PASTORAL NOS DIAS ATUAIS


ENTREVISTA COM O REV. VALDEMAR TREVENZOLI



JUSTIFICATIVA

Muitas são as responsabilidades confiadas ao pastor e a capacidade é dada pelo Senhor para tão grande missão. Contudo, só o talento não é suficiente para o ministério pastoral, O pastor deve sempre depender de Deus e buscar capacitação para seu ministério. O pastor precisa ser vocacionado.

OBJETIVOS


a) Gerais

A pesquisa no momento apresentada é uma oficina de treinamento ministerial. Enquanto observo o trabalho do outro pastor, também sou observado por ele e aprendi duplamente. Creio que estar aberto para aprender e buscar ajuda quando preciso é um passo inicial para o bom exercício do ministério.

b) Específicos

-Promover uma troca de experiência entre pastores.
-Estabelecer um veículo de aconselhamento e discipulado entre um pastor mais experiente e outro ainda em formação.
-Discutir sobre os conteúdos estudados na disciplina Ministério Pastoral e, consequentemente, relembrando e aplicando estes conteúdos.

INTRODUÇÃO

O presente trabalho é uma pesquisa sobre Vocação Pastoral nos dias atuais, buscando de forma prática, a compreensão de disciplina, Ministério Pastoral para aplicação  no pastoreio. O trabalho de um pastor é comparado ao de escultor que visualiza em uma pedra bruta uma linda obra de arte e através desta visão são motivados a começar a esculpir. Contudo, a própria alma do pastor precisa ser esculpida por Cristo para que corações endurecidos possam ver a beleza do evangelho e permitir serem trabalhadas pela ferramenta de Deus – a cruz.
A igreja pertence a Cristo que a comprou com seu sangue. Na grande comissão Jesus deixou clara a vocação da igreja de pregar, batizar e ensinar em seu nome. Por isso as ovelhas precisam sentir a presença de Jesus na vida do pastor, mesmo que isso também provoque as mesmas perseguições que Jesus enfrentou.
Sem ovelhas é impossível ser pastor. Através do que o pastor faz, ele conquista as ovelhas. Pelo modo de agir, trabalhar, conversar, planejar e organizar a igreja, a vocação é estabelecida. A motivação do pastor deve ser educar e ensinar as ovelhas, aquelas que forem submissas a Cristo também serão ao pastor.

-Aproximação entre a teoria (estudo sobre vocação) e a prática (ministério pastoral).


-Cenário Externo da Igreja Local

Residente em Juiz de Fora, Minas Gerais, onde o metodismo é pioneiro e tem mais dez igrejas emancipadas. A cidade tem, aproximadamente, 35 mil evangélicos.

-Cenário Interno da Igreja Local

Atendo voluntariamente as igrejas da cidade trabalhando pela revitalização de comunidades como Raul Soares, São Pedro dos Ferros, Fagundes (Petrópolis-RJ).

-Situação Socioeconômica da pessoa entrevistada

Trabalhou cinquenta anos, como pastor de tempo integral. Celebrou Jubileu de Ouro e aposentou-se. Ele e sua esposa são aposentados e residem em casa própria num bairro de classe média em Juiz de Fora, Minas Gerais.

-Critérios da escolha da igreja que frequenta

O Rev. Valdemar Trevenzoli já pastoreou dezenas de igrejas metodistas, foi missionário e colaborou na fundação de muitas igrejas no Brasil. Já conheceu, em média, 332 igrejas, sendo 256 metodistas e 76 outras denominações. Atualmente não frequenta uma única igreja na cidade de onde reside. Segundo afirmou, ele aproveita a liberdade que tem hoje para visitar inúmeras igrejas e denominações evangélicas, embora não frequente assiduamente, as igrejas metodistas da cidade. Além disso, recebe muitos convites para pregar fora e dar palestras e treinamentos. Como fez vários cursos na árees de narcótico e entorpecente, está colaborando na Comunidade Terapêutica Nova Esperança, como clinico pastoral e conselheiro de jovens DQs.

-Critérios de escolha da pessoa entrevistada

O entrevistado, natural de Raul Soares, formou-se em teologia pela Faculdade de Teologia da Igreja Metodista de São Paulo. Além de ter servido à Igreja Metodista, atuou em instituições de ensino, ação social nos estados de Minas, Rio de Janeiro, Bahia e Espírito Santo.
Sempre admirei muito a experiência de pastores já aposentados, que ainda exercem de alguma forma, o ministério podendo levá-lo até o fim.
Escolhi o Rev. Valdemar Trevenzoli por ser um pastor experiente, ter um ministério voltado para missões e evangelização, também foi missionário pioneiro do metodismo na região estou trabalhando pela implantação da Igreja Metodista. Meu interesse é receber experiência para exercer o ministério

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O JOVEM MAIS BELO – ABSALÃO

Absalão, em hebraico, אַבְשָלוֹם. Significado: Meu pai é paz. Ler os textos II Samuel 3.1-5; 13.21-29; 14.24-33; 15.1-12; 18.9-17 e 18.33 A Bíblia nomeia Absalão como o terceiro filho de Davi cuja mãe era Maaca. Havia muita crise relacional na família real. Cada filho nascia de uma mulher diferente. Infelizmente, esta anomalia social está acontecendo em nossa sociedade. Em 2 Sm 14.25 e 26, diz que não havia, em Israel, homem mais belo e formoso do que Absalão. Desde a planta dos pés até a cabeça, não havia defeito algum. Não havia academia de fisiculturismo. Ele não era ‘bombado,’ mas tinha o corpo sarado.

ESPIRITO, ALMA E CORPO – DOUTRINA FUNDAMENTAL

“E O PRÓPRIO DEUS DE PAZ VOS SANTIFIQUE COMPLETAMENTE; E O VOSSO ESPÍRITO, ALMA E CORPO SEJAM PLENAMENTE CONSERVADOS IRREPREENSÍVEIS PARA VINDA DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO" 1 Ts 5.23 "POIS A PALAVRA É VIVA E EFICAZ, E MAIS CORTANTE DO QUE QUALQUER ESPADA DE DOIS GUMES, E PENETRA ATÉ AO PONTO DE DIVIDIR ALMA E ESPÍRITO, JUNTAS E MEDULAS, E É APTA PARA DISCERNIR OS PENSAMENTOS E INTENÇÕES DO CORAÇÃO” Hb 4.12 FUNÇÕES RESPECTIVAS DO ESPÍRITO, ALMA E CORPO

Convertido, Seguidor, Discípulo ou Discipulador?

“O mesmo Espírito testifica com nosso espírito que somos filhos de Deus (Rm 8.16). Pressupõe-se que, se a igreja tem convertidos, que se transformam em seguidor, e depois, em discípulo, ela precisa de discipuladorOu se evangeliza e vive ou não se evangeliza e morre. A evangelização e os seus resultados deixam igreja em clima de festa.Haverá sempre "uma festa no céu por um pecador que se arrepende”(Lc 15.7). Meu objetivo, ao apresentar este estudo, é estimular e enriquecer você para a prática do Discipulado. Há quatro estágios fundamentais para quem deseja ser fazedor dediscípulo:

VARRENDO A CASA

(Lc  15.8-10) Modernização. Surgem meios modernos para fazer a limpeza, mas a vassoura continua sendo muito útil. Há milhões  de livros, mas a Bíblia é única. Há duas razões para se varrer a casa: varrer para manter a casa limpa higienizada. Ao amanhecer o dia inicia-se a tarefa. Varre-se para tirar o cisco e procurar o que foi perdido. Alguém apaga as lâmpadas. A escuridão domina, assim como as pessoas sem Cristo. Estão nas trevas.