Pular para o conteúdo principal

Testemunho de vida do Pr. Trevenzoli

Aceitei Jesus Cristo como meu Salvador e Senhor, no mês de junho de 1948 numa choupana coberta com sapé, quando pregava o Rev. Amador R. Pereira cujo texto era: “... e o sangue de Jesus Cristo, eu Filho, nos purifica de todo o pecado” (1 João 5.7b). Ele pregava e apontava o dedo para mim. Eu era um dos adolescentes mais rebeldes em casa e no povoado de São Vicente da Estrela, onde a “Estrela da Alva” (2 Pedro 1.19) brilhou em minha vida tornando-me, “uma nova criatura” (2 Co 5.17).

Lecionando em Teófilo Otoni/MG - 1975
No dia 28 de julho fui batizado; em agosto fui chamado para o sagrado ministério e em setembro, obedeci a Deus quando ele disse-me: “Sai da tua terra, da tua parentela, e da casa de tua mãe, para terra que eu te mostrarei” (Gn 12.1). Só olhei para trás a fim de pedir a bênção de minha mãe e viajei para Itapina/ES, em busca de atingir o meu alvo.
Escola Bispo Almir
Vitória da Conquista/BA -1969
 Fui acolhido pelo Rev. Ernest O’Neil e internado  no Instituto Rural Evangélico com 16 para 17 anos, analfabeto, faminto, órfão, pé no chão, peão de fazenda e recém-convertido. Glória seja dada ao Senhor, a quem servimos durante 50 anos como pastor e gestor de 7 instituições, inclusive o Instituto Rural Evangélico.
Entrega do Certificado Escolar
Vitória da Conquista/BA - 1968
 Fui discipulado pelos pastores O'Neil e Peterson. Em fevereiro de 1949 Rev. Peterson convidou-me para dirigir a Escola Dominical, em Porto Belo, com 10 alunos. Não recusei o convite. Porém, ele não sabia que eu era analfabeto.  Ao chegar lá, pedi alguém para fazer uma leitura bíblica e dei meu testemunho. Descobri depois que o Espírito Santo pôs as palavras nos meus lábios. Em julho do mesmo ano o reitor chamou-me e disse: vou transferi-lo de Porto Belo para Várzea do Arroz. No ponto de pregações havia 36 pessoas. Tive medo, mas enfrentei o desafio.
Igreja e escola em Resplendor/MG -1965
Em 1950, tive outro desafio de fé. O Rev. H.I. Lehmann pediu ao Rev. Peterson para ceder-lhe um jovem que pudesse ajudar o Missionário Leon E. Strunk - Tenho um rapaz aqui, mas ele é meio bravo. Não tem problema, onde está o rapaz? Alguém me chamou e ele designou-me para trabalhar com o Rev. Leon E. Strunk  nas cidades de Conselheiro Pena, Barra de Cuieté e Tumiritinga cumprindo uma escala seguimos fazendo a obra do Senhor. 
Banda do Orfanato Ana Gonzaga
Campo Grande/RJ - 1991
Tive, na verdade, muitas oportunidades para consolidar o meu chamado para o ministério. Em barra do Cuieté havia uma freqüência de 50 pessoas. Dobrávamos os joelhos pedindo o poder de Deus para pregar. Eu ficava vermelho como um pimentão maduro.
Palestra sobre entorpecente
Juiz de Fora/MG -1997
Ainda em 1950, o Rev. Peterson conseguiu seis bolsas de estudos no colégio Pan-Americano para estudarmos e trabalhar à noite. Éramos: João Moraes, Samuel, Almiro, Vasny e Inocêncio. Pela manhã íamos à Igreja Batista; às 15 horas fazíamos visitas aos metodistas no bairro da Serrinha onde fundamos a Escola Dominical Metodista e à noite, reunião de jovem e o culto.
PR. VALDEMAR TREVENZOLI
Velho guerreiro metodista.
Tivemos, eu minha esposa Laura, uma longa carreira de 50 anos de pastoreio e gestor de 7 instituições de ensino e ação social. Ainda não encerrei a carreira, porque exercemos clínica pastoral numa comunidade que acolhe, cuida e abençoa dependentes químicos. Deus chama, capacita, envia e sustenta. “Passamos pelo vale de baca e fizemos dele um manancial” (Salmo 84.6).
Como um exemplo  vivo de superação deixo esta mensagem: NÃO DESISTA JAMAIS! 
Nosso  abraço: Laura e Pr. Trevenzoli

Comentários

  1. Sou neto de H. i. Lehman Aprvio o testemunho dos que com ele conviveram. Tenho muito orgulho do trabalho desenvolvido pelo meu avô

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo testemunho histórico e abençoado de um tempo em que viver o evangelho era sinônimo de luta e amor incondicional , e que possa servir de exemplo para a atual geração. Abraços de Cícero Moraes , filho do seu colega do Instituto Rural João Moraes

    ResponderExcluir
  3. Aleluia! Louvado seja o Senhor Jesus pela sua vida pastor Trevenzoli!
    É maravilhoso poder ler este testemunho, foi como um renovo e esperança para minha vida...
    Que Jesus continue fortalecendo o senhor e sua esposa!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Convertido, Seguidor, Discípulo ou Discipulador?

“O mesmo Espírito testifica com nosso espírito que somos filhos de Deus (Rm 8.16). Pressupõe-se que, se a igreja tem convertidos, que se transformam em seguidor, e depois, em discípulo, ela precisa de discipuladorOu se evangeliza e vive ou não se evangeliza e morre. A evangelização e os seus resultados deixam igreja em clima de festa.Haverá sempre "uma festa no céu por um pecador que se arrepende”(Lc 15.7). Meu objetivo, ao apresentar este estudo, é estimular e enriquecer você para a prática do Discipulado. Há quatro estágios fundamentais para quem deseja ser fazedor dediscípulo:

ESPÍRITO, ALMA E CORPO

1 Ts 5.23; Hb 4.12 “E O PRÓPRIO DEUS DE PAZ VOS SANTIFIQUE COMPLETAMENTE; E O VOSSO ESPÍRITO, ALMA E CORPO SEJAM PLENAMENTE CONSERVADOS IRREPREENSÍVEIS PARA VINDA DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, POIS A PALAVRA É VIVA E EFICAZ, E MAIS CORTANTE DO QUE QUALQUER ESPADA DE DOIS GUMES, E PENETRA ATÉ AO PONTO DE DIVIDIR ALMA E ESPÍRITO, JUNTAS E MEDULAS, E É APTA PARA DIOSCERNIR OS PENSAMENTOS E INTENÇÕES DO CORAÇÃO”. FUNÇÕES RESPECTIVAS DO ESPÍRITO, ALMA E CORPO:

O Bom Pastor e as Ovelhas

João 10.5 e 9-10 -INTRODUÇÃO: É preciso ajustar a nossa vida com Jesus Cristo, o Supremo Pastor, para sentirmo-nos satisfeitos e calmos. A ovelha não é um animal muito exigente. Come o que se lhes dá a comer; bebe o que se lhes dá a beber. A igreja, na pós-modernidade tem pastores de todas as classes, habilidades e gostos. A bem da verdade, o título de pastor está um pouco desgastado. Surgem outras qualificações que dão mais status como apóstolo, profeta, missionário. Há pastor que prega o evangelho puro e transformador que “é o poder de Deus para a salvação de aquele que crê” (Rm 1.16), da cura, do exorcismo, da prosperidade, da libertação, do Quinto Evangelho do “nada a ver” e, faz uma salada que intoxica a alma ao invés de curar seus males.

ESPIRITO, ALMA E CORPO – DOUTRINA FUNDAMENTAL

“E O PRÓPRIO DEUS DE PAZ VOS SANTIFIQUE COMPLETAMENTE; E O VOSSO ESPÍRITO, ALMA E CORPO SEJAM PLENAMENTE CONSERVADOS IRREPREENSÍVEIS PARA VINDA DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO" 1 Ts 5.23 "POIS A PALAVRA É VIVA E EFICAZ, E MAIS CORTANTE DO QUE QUALQUER ESPADA DE DOIS GUMES, E PENETRA ATÉ AO PONTO DE DIVIDIR ALMA E ESPÍRITO, JUNTAS E MEDULAS, E É APTA PARA DISCERNIR OS PENSAMENTOS E INTENÇÕES DO CORAÇÃO” Hb 4.12 FUNÇÕES RESPECTIVAS DO ESPÍRITO, ALMA E CORPO